F1: Após “veto” da FIA, McLaren pára construção de nova suspensão

A McLaren seguiu a recomendação da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) e anunciou que parou por tempo indeterminado os trabalhos em seu novo sistema de suspensão, que regularia a altura dos carros em condições ruins de tempo. Segundo a entidade, qualquer sistema que realize essa manobra é considerado ilegal.

Assim, a McLaren, que suspeitava que a rival Red Bull faria uso desse tipo de sistema, cancelou a produção do seu modelo. O diretor técnico de engenharia da escuderia inglesa, Paddy Lowe, afirmou que a equipe não seguirá com os trabalhos no MP4-25, e os pilotos Jenson Button e Lewis Hamilton continuarão com os carros que tiveram até agora.

“Nos últimos meses estávamos acenando com uma abordagem diferente para o sistema de suspensão com um desenho diferente. Mas agora que a FIA tomou uma posição nova a respeito, nós tivemos que sacrificar uma parte das mudanças. Basicamente, tivemos um sistema em que estivemos trabalhando, mas agora nós o suspendemos”, explicou Lowe.

O dirigente negou que o sistema tenha sido utilizado pela sua equipe em alguma das três provas ocorridas neste ano, e só o que será alterado no monoposto para a prova deste final de semana, na China, serão algumas melhorias na aerodinâmica do mesmo. E que, apesar das suspeitas, não sabe afirmar se algum time rival se valeu do agora ilegal sistema de suspensão automática.

“Nós apenas sentimos que os outros estão avançando rapidamente em seu desenvolvimento. Não posso afirmar se alguém tem algum tipo de sistema em seu carro”, concluiu.

Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *