F1: Arrependido por aposentadoria, Schumi não descarta retorno

Fora da Fórmula-1 desde 2006, o alemão Michael Schumacher ainda cogita retornar à categoria de elite do futebol mundial. Nesta segunda-feira, o heptacampeão mundial disse à revista Der Spiegel que se arrepende de ter abandonado o automobilismo profissional e que um retorno é possível.

“Não tenho que provar nada para ninguém, nem a mim mesmo. Eu me arrependo um pouco por ter me aposentado três anos atrás”, disse. “Não há motivo para anunciar que não voltarei. A vida que levo me faz feliz, mas quem sabe o que pode acontecer em alguns meses ou daqui a um ano?”, completou.

Schumi era o favorito da Ferrari para ocupar a vaga de Felipe Massa, enquanto o brasileiro se recupera do acidente sofrido nos treinos classificatórios para o Grande Prêmio da Hungria. O alemão chegou a realizar alguns treinos, mas desistiu da oportunidade por sentir fortes dores no pescoço.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *