F1: Barrichello ‘não vou encarar GP do Brasil como última prova’

Ainda sem contrato fechado para a temporada 2009 da Fórmula 1, Rubens Barrichello pode fazer no próximo GP do Brasil sua última corrida na categoria, onde corre desde 1993. O piloto, porém, garante que não vai olhar a disputa em Interlagos, no dia 2 de novembro, como um adeus.

“Sei que vai ter muito jornalista no Brasil me perguntando isso, mas eu não vou encarar essa prova como uma despedida, como a minha última na Fórmula 1”, comentou o veterano piloto, em Xangai, onde foi o 11º colocado neste domingo. “Vou com tudo e quem sabe até não consigo um pontinho em casa”, anima-se.


Sobre a possibilidade de perder a chance de fazer uma grande festa em casa, o duas vezes vice-campeão mundial garante que não se importa. “Se for o caso, faço um ‘Barrichello Day’ depois”, brincou o piloto, que admitiu negociações com a Toro Rosso, equipe para a qual está tentando trazer patrocinadores, de forma a garantir um lugar em 2008.


Instigado a dar um palpite sobre quem ficará com o título da temporada, Barrichello afirmou estar torcendo por Felipe Massa, mas admitiu que as chances de Lewis Hamilton são bem maiores.


“O Massa é um piloto muito forte no Brasil, mas o Hamilton já aprendeu que pode perder, se ficar afoito. A chance é maior do Hamilton, sem dúvida, mas espero que o Felipe lute até o fim”, comentou.


Fonte: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *