F1: Após deixar Massa passar, Raikkonen diz: ‘é normal’

Fora da briga pelo título do Mundial de Fórmula 1, o finlandês Kimi Raikkonen disse que é absolutamente normal ter respeitado a ordem da Ferrari e permitido a ultrapassagem do brasileiro Felipe Massa nas voltas finais do GP da China, em Xangai.

O atual campeão mundial largou em segundo e se manteve na mesma posição até a última parada de box, mas teve de deixar Massa ultrapassar nas voltas finais em razão de o companheiro estar na briga pelo título.


“Não tinha nada para ganhar ou perder. É normal nessa situação. Sabíamos o que queríamos como equipe e trabalhei para o time”, disse Raikkonen, quarto colocado com 69 pontos.


“Hoje tive um carro que estava indo bem, mas não tão rápido, principalmente na largada. Consegui ter voltas tão rápidas quanto Lewis (Hamilton, vencedor da corrida), mas não tanto para reduzir essa distância. Paramos na mesma volta, mas não foi possível ultrapassá-lo”, completou.


Fonte: Terra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *