F1: Barrichello ‘pilotar em Cingapura é como andar de skate’

Rubens Barrichello engrossou o coro de vozes críticas ao asfalto do autódromo de Cingapura. Depois de um dia ruim nos treinos livres nesta sexta-feira, o brasileiro da Honda reclamou das ondulações da pista, assim como já haviam outros pilotos como Felipe Massa, Fernando Alonso e Sebastian Vettel, afirmando que estaria pilotando um skate.

“Meu carro está sofrendo muito com essas ondulações, é como se eu estivesse andando de skate. O carro bate demais e eu não consigo frear onde gostaria”, filosofa.


O brasileiro gostou do traçado de Cingapura, mas prevê protesto de outros competidores devido algumas dificuldades encontradas ao longo do asfalto.


“A pista tem um desenho muito legal e é um desafio enorme, com as curvas em si e o desafio das zebras. Mas é uma pista que está muito ondulada. Acredito que isso vai ser uma reclamação básica de todos os pilotos”, explica.


Mesmo crítico, Barrichello admitiu que espera um belo show na primeira prova noturna da história da Fórmula 1.


“A pista é muito mais estreita do que eu imaginava, e o muro daqui também é duro como os demais. Alguns pilotos sofrem mais do que os outros com esses problemas, mas o espetáculo vai ser legal”, projeta.


Fonte: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *