F1: Bruno Senna usa experiência para andar melhor em Barcelona

Vitória na GP2 e teste pela Honda aumentam confiança no GP da Espanha.

Mais do que nas poucas novidades técnicas introduzidas no carro, é na experiência em Barcelona que Bruno Senna deposita as esperanças de um melhor desempenho da HRT F1 Team no GP da Espanha. O F110 entrará na pista de Barcelona com a terceira geração do tanque combustível, capaz de ordenar a movimentação da gasolina no reservatório. No mais, Bruno contará com novo estoque de peças sobressalentes que permitirá uma pilotagem mais agressiva nas trocas de marchas.
Se a evolução parece modesta, a familiarização com o traçado poderá compensar. Afinal, foi em Barcelona que Bruno conquistou sua primeira vitória na Fórmula GP2 em 2007 e onde fez seu batismo na Fórmula 1, no teste realizado pela Honda no final da temporada seguinte. “Conhecendo bem o circuito, e neste caso aqui tendo até já pilotado um Fórmula 1, as informações que passarei à equipe serão mais fiéis e será mais fácil encontrar a direção do acerto”, lembrou.
Depois do GP da China, o carro de Bruno seguiu para a fábrica da Dallara na Itália, onde os técnicos se concentraram na busca do acerto básico. “Espero que tenham melhorado a rigidez e o sistema de amortecimento, o que traria um ganho na estabilidade”, disse. O piloto está preocupado com o trecho final de Barcelona – a chicane que conduz à reta dos boxes. “É um setor que pede muita tração, exatamente um dos pontos problemáticos do nosso carro”, continuou.
Nesta terça-feira, Bruno visitou o ex-astro de MotoGP Sete Gibernau, nascido na Catalunha e que mora nas proximidades de Girona, cidade da região. Apesar da chuva, andou de kart na pista particular do piloto. À noite, a convite do clube e na companhia do parceiro Karun Chandhok e do dono da HRT F1 Team, Jose Ramon Carabante, estaria nas tribunas do Camp Nou assistindo à partida do Barcelona contra o Tenerife, válida pelo Campeonato Espanhol.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *