F1: Campos confirma que Piquet não faz parte dos planos

Daniele Audetto, diretor da equipe Campos, confirmou que a notícia publicada no site espanhol Motor21.com era mesmo uma brincadeira do feriado “Dia dos Santos Inocentes”, algo como o 1º de Abril no Brasil, e que Nelsinho Piquet não fará parte da equipe na sua temporada de estreia.

A publicação espanhola publicou no dia 28 que Nelsinho havia acertado um contrato de três anos para ser parceiro do compatriota Bruno Senna, e que seu pai, o tri-campeão Nelson, teria comprado 15 por cento da equipe. Tudo uma grande piada, como o próprio site admitiu no dia seguinte.

Nelson teria sim entrado em contato com a Campos, o que foi confirmado por Audetto.“Na verdade, nós recebemos uma proposta de Piquet”, disse o italiano.

“Não temos nada contra Nelsinho, apesar dele ter se envolvido no escândalo do acidente de Cingapura em 2008. Ele é um bom piloto, rápido e experiente”, completou o italiano.

“Porem nós assinamos com o Bruno Senna, e não vamos ter dois brasileiros. E os supostos 15 por cento investidos seriam muito menos do que outros pilotos poderiam investir; italianos, russos, chineses e alemães, só para citar algumas nacionalidades” explicou Audetto.

“Há negociações em curso e elas vão continuar até que todos os detalhes sejam definidos”, encerrou Audetto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *