F1: Campos já teria dívida com a fábrica Dallara

Equipe espanhola espera conseguir patrocínios em breve.

A garantia de Adrian Campos em estar nos primeiros testes coletivos da Fórmula 1 no ano, em Valência, pode estar ameaçada. Segundo a imprensa europeia, a Campos está com pagamento atrasados à fabricante dos chassis, a italiana Dallara.

A equipe esperava atrair patrocinadores brasileiros e espanhóis com a contratação de Bruno Senna, o que não aconteceu. O site “grandprix.com” afirma que a Campos procura investidores e pode até ter uma parte vendida. Tony Teixeira, chefe da A1GP, poderia estar interessado no negócio.

O que poderia ajudar financeiramente a equipe seria a contratação do segundo piloto. Os dois favoritos – o venezuelano Pastor Maldonado e o russo Vitaly Petrov – têm patrocínios de empresas petrolíferas fortes, mas nenhum acerto foi feito ainda.

Fonte: LANCEPRESS!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *