F1: Carro de Alonso no GP de Mônaco deu ‘perda total’

O carro utilizado pelo espanhol Fernando Alonso no treino livre para o Grande Prêmio de Mônaco não poderá ser reaproveitado durante o resto da temporada. A Ferrari revelou, após análise minuciosa do monoposto, que ele não conseguirá ser recuperado pelos mecânicos e terá que ser descartado.

O bicampeão da Formula 1 bateu em uma curva ainda no treino livre, e as avarias sofridas pelo carro não poderão ser consertadas. Por conta disso, já no treino classificatório (no sábado), Alonso não foi para a pista e largou dos boxes no domingo – em ótima corrida de recuperação, chegou em sexto.

Assim, o quebrado chassi de número 283 será deixado de lado, e a equipe precisará decidir com que modelo Fernando e o brasileiro Felipe Massa irão disputar a próxima prova da temporada, o Grande Prêmio da Turquia, no dia 30 de maio. Alonso é o atual terceiro colocado com 75 pontos, três a menos que os líderes Mark Webber e Sebastian Vettel, ambos da Red Bull. Massa é o quinto, 14 pontos atrás do companheiro de equipe.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *