F1: Chefe de Sakhir afirma que GP ajudará o Bahrein

Presidente do Circuito Internacional do Bahrein, Zayed R. Alzayani, garante que interesse não é à favor do governo local

O Chefe do circuito de Sakhir, Zayed R. Alzayani disse que a realização do GP do Bahrein de Fórmula 1 irá ajudar a população a continuar com as reformas feitas no país asiático.

– É muito triste o que aconteceu, mas não podemos voltar e mudar a história, temos que aprender com isso e continuarmos. Acho que o Bahrein precisa do GP, pois precisamos voltar à pista. O país sofreu, a economia está sofrendo – disse o dirigente.

A tensão política no reino e a pressão criada por pessoas ligadas à categoria fazem com que a realização da corrida seja algo questionável. Entretando, o presidente do circuito rebateu as insinuações de que a prova estaria sendo realizada à favor do governo local.

– Não penso assim, discordo. A corrida não está acontecendo por causa das autoridades, está acontecendo porque o Bahrein é casa do automobilismo no Oriente Médio. Sediamos sete GPs antes e a maioria do público não é de autoridades ou da família real, é de fãs da F-1 e do automobilismo em geral – rebateu.

A quarta etapa da Fórmula 1 está prevista para acontecer no dia 22 de abril no país asiático.

Fonte: LANCENET!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *