F1: Contente com Bourdais, Gerhard Berger lamenta azar

“Bourdais mostrou durante todo o final de semana que foi um acerto apostar nele como companheiro de Vettel”. Foi assim que um dos proprietários da Toro Rosso, Gerhard Berger, definiu a estréia do francês na Fórmula 1.

O piloto terminou o GP da Austrália com a sétima posição, mas poderia ter sido quarto não fosse a quebra de seu motor a três voltas do final. Nem o fato de Bourdais ter largado apenas na 18ª posição incomodou o dirigente.


“Ele teve um pouco de azar na classificação, mas fez uma corrida fantástica, lutando com os melhores para manter sua posição, inclusive no final, quando seus pneus já estavam desgastados. Não cometeu erros e fez uma excelente prova do início ao final. Creio que temos uma grande equipe e mostramos um bom nível na competição”, comemorou.


O ex-piloto lamentou apenas o azar da disputa. “A sorte não nos acompanhou e isso nos impediu de acabar com uma excelente quarta colocação faltando pouco para o final”, comentou Berger, que admite que uma oportunidade como esta não ocorre em todas as corridas.


“Voltaremos a tentar no GP da Malásia, mas chances como esta não são comuns. Dois pontos são melhor do que nada”, resignou-se.


Já a causa da pane no motor de Bourdais ainda é um mistério. “Até o momento, ainda não sabemos o que provocou a retirada dele”, garantiu Berger.


Fonte: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *