F1: De la Rosa nega ter acordo com Force India para 2009

A assinatura de um acordo de cooperação técnica entre McLaren e Force India já faz a imprensa espanhola garantir que Pedro de la Rosa será titular da equipe indiana na próxima temporada da Fórmula 1. Entretanto, o piloto, que está testando o carro de Vijay Mallya nesta terça-feira em Barcelona, nega que tenha contrato fechado para voltar a integrar o circo da categoria.

Após estrear na Fórmula 1 em 1999 a bordo da Arrows, De la Rosa acabou se acomodando como testador oficial da McLaren, posto ocupado por ele desde 2003 – chegou a disputar corridas em 2005 e 2006, mas sempre como substituto. Agora, o catalão é apontado pelo jornal esportivo AS como piloto da Force India para o ano que vem. Ele entraria no lugar de Giancarlo Fisichella, como fruto do acordo que cederá aos indianos motor, caixa de câmbio, sistema hidráulico e expertise da McLaren.


Contudo, De la Rosa não dá pistas dessa certeza em entrevista publicada pelo próprio jornal nesta terça. “Estou muito feliz com este teste pela Force India, mas isso não significa nada. Não tenho nada a dizer, nem a perder”, afirmou o espanhol, que foi o 15º colocado dos trabalhos desta manhã em Barcelona.


Em conversa com o jornal El Pais, também do país ibérico, o piloto da equipe de Ron Dennis também fez questão de negar sua transferência para a de Mallya em 2009. “Neste momento, são apenas dois dias de testes e nada mais. Meu contrato é com a McLaren e agradeço por me permitirem fazer isso (guiar outro carro). Porém, até agora ninguém me prometeu alguma coisa”.



Fonte: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *