F1: Ecclestone diz que circuito de Sepang precisa de reforma

O circuito de Sepang, na Malásia, está parecendo surrado e precisa de uma “plástica”, de acordo com o empresário da Fórmula 1, Bernie Ecclestone.

“Eles fizeram um trabalho fantástico quando tudo começou, mas agora o circuito se transformou, se você não se importa, em uma casa velha que precisa de um pouco de redecoração”, disse Ecclestone ao jornal malaio New Straits Times.

O complexo internacional do circuito de Sepang recebeu seu primeiro Grande Prêmio em 1999, quando era aclamado por suas instalações e por seu design avançado.

“É difícil mantê-lo, já que é tão grande. E está começando a ficar um pouco gasto e parece um pouco cansado”, afirmou ele.

Ecclestone disse ao jornal que o estado das instalações poderia afetar a reputação da Malásia caso não fossem melhoradas.

“Há lixo por todos os lugares e isso não é realmente um bom sinal para a Malásia”, declarou ele. “Estamos na televisão de todo o mundo e não é preciso parecer bom, assim como era no começo.”

A Malásia é uma das diversas paradas da Fórmula 1 na Ásia, juntamente com Japão, China e Barein.

Cingapura também está solicitando receber uma das etapas da categoria com uma corrida à noite sob a luz de refletores e Ecclestone acredita que esse conceito ajudaria a impulsionar a cobertura televisiva na Europa.

“Nós perdemos muita cobertura televisa na Europa por causa da mudança de horário”, disse Ecclestone durante a entrevista. “Então, tenho pedido às pessoas para verificar os holofotes dos circuitos para que tenhamos corridas à noite.”

“Seria bom para essa parte do mundo, e seria o horário nobre da televisão para nós na Europa.”

A decisão sobre se Cingapura irá receber uma prova da Fórmula 1 ou não deve ser tomada na próxima semana.

Fonte: Reuters - Nazvi Careem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *