F1: Ecclestone ‘Ferrari pode ser processada se sair da F-1’

Mediador do confronto entre as equipes e a Federação Internacional de Automobilismo (FIA), Bernie Ecclestone decidiu pressionar a Ferrari, que ameaça deixar a Fórmula 1 no ano que vem. Em entrevista ao jornal The Times, o dirigente contou que o time de Maranello pode ser processado se realmente abandonar a categoria.

“Nós sempre respeitamos os nossos contratos. E esperamos o mesmo de todos os times que assinam contrato conosco, incluindo a Ferrari. Eles estão dizendo que vão embora e nós respondemos que esperamos que o contrato seja respeitado”, afirmou o presidente da Formula One Management (FOM), empresa que administra a Fórmula 1.

Segundo rumores que circulam pelo paddock, Ecclestone já teria, inclusive, escrito ao presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo alertando sobre a necessidade de devolução do dinheiro pago antecipadamente pelos direitos de transmissão para a TV. Bernie, entretanto, não confirmou a informação.

Equipe do brasileiro Felipe Massa, a Ferrari ameaça deixar a categoria por não concordar com o “teto orçamentário” previsto para 2010, no qual os times que gastarem menos de R$ 128 milhões por ano terão uma série de vantagens técnicas.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *