F1: Em Cingapura, Lucas visa ser o melhor entre os pilotos das estreantes

Brasileiro da Virgin Racing deixa experiente Jarno Trulli para trás e parte em 20º na prova noturna deste domingo (26)

Nem a estreia no difícil circuito de Cingapura, único Grande Prêmio noturno da temporada da Fórmula 1, e o fato de não ter participado do primeiro treino livre de sexta-feira atrapalharam Lucas Di Grassi (Clear, Sorocred, Locaweb, Eurobike, Schioppa) a conquistar sua melhor posição de largada em sua primeira temporada na principal categoria do automobilismo mundial.

O brasileiro superou todas as dificuldades para se adaptar a pista em menos tempo e conquistou a 20ª colocação no grid de largada, definido neste sábado (25). Com isso, Lucas acredita ter boas condições de terminar a prova deste domingo como o melhor entre os pilotos das equipes estreantes.

“Mesmo sendo minha primeira vez em Cingapura e perdendo a primeira sessão livre, o que tornou o fim de semana bem difícil, consegui me colocar em uma boa posição no grid, à frente de um dos carros da Lotus (Jarno Trulli). Isso me permite ter chances de brigar para ser o melhor piloto das equipes novatas na corrida de amanhã (domingo), e vou lutar para fazer o melhor possível e conseguir este objetivo”, analisou.

O piloto da Virgin Racing também ressalta a performance apresentada pela equipe e afirma ainda estar melhorando a cada vez que entra na pista. “A pista é muito difícil, então toda a vez que entro no carro sinto que ainda estou melhorando, um décimo aqui e ali. Estou otimista com relação à corrida de amanhã (domingo)”, contou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *