F1: Equipe Haas fará mudanças nos mecânicos após erros em Melbourne

22 pontos. Esse foi o custo que duas rodas soltas custaram à equipe Haas na etapa de abertura da temporada. A equipe norte-americana respondeu com uma ação abrangente, trocando os membros da equipe, mudando seu procedimento de pit stop e aumentando a quantidade de treinos para as corridas.

Os pilotos Kevin Magnussen e Romain Grosjean estavam em quarto e quinto, respectivamente, em Melbourne, mas ambos abandonaram logo apos seus pit stops, perdendo para o Haas uma quantidade de pontos que seria de quase metade do obtido em todo o ano de 2017. A equipe também foi multada em 10 mil euros pela liberação insegura de ambos os carros.

O chefe de equipe, Guenther Steiner, admitiu na época que uma combinação de fatores, incluindo a falta de treinos de pit-stop enquanto o time estava focado em outros desafios, levou ao momento catastrófico em Albert Park.

Para a corrida do Bahrain deste fim de semana, a Haas reagiu com a rotação de mecânicos em diferentes posições e dando início aos treinos de pit-stops na quarta-feira – uma vez que a equipe voltou a se reunir pela primeira vez desde a Austrália.

“Nós trocamos algumas posições e a principal razão não é porque eles cometeram um erro, mas para recuperar sua confiança”, disse Steiner no paddock do Bahrain na quinta-feira.

Se você continuar fazendo o mesmo trabalho e o cara não estiver confiante, o risco de ter um erro é alto. Você troca posições, você dá a elas empregos diferentes, porque você precisa das pessoas. Foi o que fizemos para esta corrida e o que estamos treinando desde ontem.

Os caras que sentem a maior parte da pressão, você lhes diz para fazer outra posição por algumas corridas para recuperar sua confiança. A última coisa que você quer depois de um evento como a semana passada é ter pouca confiança em alguém, porque então os erros acontecerão novamente.”

Steiner disse que a Haas, que foi uma das equipes mais rápidas com pit stops no final do ano passado, iria se concentrar em paradas tranquilas em vez de perseguir a velocidade neste fim de semana, em uma tentativa de evitar a repetição dos problemas que sofreu na Austrália.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *