F1: Fernando Alonso vence GP da China

O espanhol Fernando Alonso (Ferrari) venceu neste domingo (14/04), o GP da China, em Xangai, terceira etapa da temporada. Foi a primeira vitória de Alonso no ano, e 31ª na categoria. O finlandês Kimi Raikkonen (Lotus) e o britânico Lewis Hamilton (Mercedes) completaram o pódio.

Após alinhar com pneus macios na terceira posição, e ganhar uma posição na largada, Alonso assumiu a ponta na 5ª. Usando o DRS (a Asa Traseira Móvel), o espanhol ultrapassou o pole-position Hamilton no final da reta dos boxes. Na sequencia, o brasileiro Felipe Massa, parceiro de Alonso, também passou Hamilton.

Daí em diante, o bi-campeão do mundo só perdeu a ponta nas paradas nos boxes (foram três), devido à estratégia diferente do britânico Jenson Button (McLaren) e dos alemães Sebastian Vettel (Red Bull) e Nico Hulbenberg (Sauber) que largando com pneus médios, fizeram apenas duas paradas. Massa liderou uma volta, ao parar depois de Alonso no primeiro pit stop.

Raikkonen, que na largada perdeu três posições, caindo de segundo para quinto, terminou em segundo. Na 15ª, o finlandês tocou na traseira do mexicano Sergio Pérez (McLaren), que freou tarde, o que quase acabou com sua prova. O finlandês fo iaté o final com o bico avariado.

Hamilton, que no final teve que se defender de Vettel, que tinha pneus macios novos (trocou na 52ª), completou o pódio.

Vettel terminou em quarto (0s200 atrás de Hamilton), seguido por Button e Massa, que teve problemas de desgaste nos pneus dianteiros após o segundo pit stop. O australiano Daniel Ricciardo (Toro Rosso) foi o sétimo, seguido pelo escocês Paul di Resta (Force India), outro com duas paradas, o francês Romain Grosjean (Lotus) e o alemão Nico Hulbenberg (Sauber), que perdeu tempo e posições em um pit stop lento.

Entre os incidentes da prova, o alemão Adrian Sutil (Force India) foi acertado na traseira pelo mexicano Esteban Guttierrez (Sauber) logo na 6ª volta. O novato abandonou na grama e Sutil nos boxes, com o carro pegando fogo, devido ao óleo quente que na carenagem. O incidente iria ser investigado após a prova.

O australiano Mark Webber (Red Bull), que alinhou em último devido a uma punição, fazia uma prova de recuperação. Logo na primeira volta ele trocou os pneus macios pelos médios. Contudo na 15ª, ele tentou superar o francês Jean-Eric Vergne (Toro Rosso) no lugar errado, com os dois se tocando. Com o carro avariado, Webber foi para os boxes. Pouco depois de retornar a prova, ele errou novamente, pegou uma zebra, com a roda traseira direita se soltando. Foi fim de prova para o australiano, que vinha de uma grande exibição na Malásia, ofuscada pela polêmica ultrapassagem de Vettel no final.

O outro abandono da prova foi o do alemão Nico Rosberg (Mercedes), que vinha entre os primeiros, até ter problemas de suspensão na 22ª volta.

Vários pilotos, entre eles Vettel, Raikkonen e Button, seriam investigados após a prova, por usar o DRS durante uma bandeira amarela. Pouco depois foi divulgado que ninguem seria punido.

Alosno liderou 31 voltas, Hulkenberg oito, Button e Vettel seis, e Massa uma.

Vettel lidera o campeonato com 52 pontos, três a mais do que Raikkonen. Alonso é o terceiro com 43, seguido por Hamilton com 40. Massa com 30 é o quinto.

A quarta etapa acontece no próximo domingo, no Bahrein.

Final:

1  Fernando Alonso Ferrari 56  voltas em 1h36m26s94
2  Kimi Räikkönen Lotus-Renault a + 10s1
3  Lewis Hamilton Mercedes a +12.3 s
4  Sebastian Vettel Red Bull Racing-Renault a + 12s5
5  Jenson Button McLaren-Mercedes a + 35s2
6  Felipe Massa Ferrari a + 40s8
7  Daniel Ricciardo STR-Ferrari a + 42s6
8  Paul di Resta Force India-Mercedes a + 51s0
9  Romain Grosjean Lotus-Renault a + 53s4
10 Nico Hulkenberg Sauber-Ferrari a + 56s5
11  Sergio Perez McLaren-Mercedes a + 63s8
12  Jean-Eric Vergne STR-Ferrari a + 72s6
13  Valtteri Bottas Williams-Renault a + 93s8
14  Pastor Maldonado Williams-Renault a + 95s4    
15  Jules Bianchi Marussia-Cosworth a + 1 volta    
16  Charles Pic Caterham-Renault a + 1 volta   
17  Max Chilton Marussia-Cosworth a + 1 volta   
18  Giedo van der Garde Caterham-Renault a + 1 volta    

Abandonos:

 Nico Rosberg Mercedes 21 voltas      
 Mark Webber Red Bull Racing-Renault 15 voltas      
 Adrian Sutil Force India-Mercedes 5 voltas  
 Esteban Gutierrez Sauber-Ferrari 4 voltas   

Foto: Site oficial da Ferrari

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *