F1: Ferrari adota tonalidade metálica em seus carros para a corrida em Mônaco

As Ferraris pilotadas pelo brasileiro Felipe Massa e pelo finlandês Kimi Raikkonen mudaram de visual para a disputa do GP de Mônaco, trocando o vermelho brilhante dos últimos sete anos por um vermelho metálico.

Como o Principado de Mônaco não assinou o Convênio Antitabaco da Organização Mundial da Saúde, os carros poderão mostrar a propaganda de um marca de cigarros, como aconteceu no Bahrein e deve se repetir na China.

O tradicional tom “rosso corsa” da Ferrari foi trocado no ano 2000 pelo vermelho brilhante. O tom metalizado adotado agora é considerado um sacrilégio para os fãs mais puristas da escuderia italiana.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *