F1: Ferrari ainda precisa melhorar, diz Raikkonen

Apesar do bom desempenho apresentado nos testes de inverno da Fórmula 1, o finlandês Kimi Raikkonen reconhece que a Ferrari ainda tem de melhorar antes do início da temporada, marcado para 16 de março, em Melbourne.

Na última semana de treinos, no Bahrein, o finlandês atingiu tempos expressivos, mais de dois segundos abaixo em relação aos do ano passado. Contudo, Raikkonen declara que ainda existe margem para evolução.

“Os testes têm sido bons. Esta sessão também mostrou pequenos problemas com o F2008. Queremos conhecer melhor o carro”, afirmou em entrevista ao diário italiano La Gazzetta dello Sport.

Os problemas a que se refere o piloto são as falhas na bomba de óleo de seu carro e no motor do monoposto de Felipe Massa.

“É um bom começo para a Ferrari. Obviamente, confiabilidade não aparece de forma automática, mas duas ou três voltas já foram interessantes”, adicionou.

“Com as novas peças, a performance vai evoluir. Melhoramos em algumas áreas, agora miramos nos novos equipamentos aerodinâmicos que testaremos em Montmeló (circuito da Catalunha)”, completou.

“Claro que nós precisamos evoluir muito, mas para mim está sendo mais fácil se comparado a 2007. E o carro teve um bom começo também. O passo decisivo é no próximo teste, quando iremos à pista com os rivais e veremos onde nos colocamos”, disse, comentando o fato de só Toyota e Ferrari terem participado dos treinamentos no circuito de Sakhir, que se encerraram nesta segunda.

O diretor técnico da equipe italiana, Aldo Costa, também analisou o desempenho na pré-temporada. “Tudo está bem e de acordo com nossos planos. A pista (no Bahrein) confirmou ser ideal para testes, porque nos permite trabalhar com condições consistentes, com uma continuidade não encontrada em outros lugares. O único arrependimento é pelos problemas de domingo”, disse.

Fonte: Gazeta Press

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *