F1: Ferrari desmente retorno de diretor-técnico que deixou Lotus

Ainda antes de a Lotus anunciar a saída de James Allison, rumores davam conta que o diretor-técnico estaria acertando o seu retorno à Ferrari, equipe em que trabalhou entre 2000 e 2004. Presidente da escuderia italiana, Luca di Montezemolo fez questão de desmentir a informação.

“Não tenho nada para falar. Falo quando podemos dar notícias, não rumores. Isso são apenas rumores. Então tenho apenas que desmentir esse tipo de coisa”, afirmou o dirigente, em evento na sede da Ferrari em Maranello, na Itália.

Allison trabalhou na Ferrari entre 2000 e 2004. Após ter sucesso como chefe de aerodinâmica da Benneton, o britânico chegou à escuderia italiana como supervisor de operações aerodinâmicas de pista e participou diretamente de cinco dos sete títulos mundiais de Michael Schumacher.

Após sua saída, passou por Renault e nela ficou até a mudança de nome para Lotus, em 2009. Ele é apontado como um dos principais responsáveis pela consistência dos carros de 2012 e 2013 da equipe. Com a negativa da Ferrari, o diretor tem como prováveis destinos McLaren e Mercedes.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *