F1: Ferrari faz balanço positivo, mas lamenta pontos perdidos

Passadas oito etapas da temporada 2008 da Fórmula 1, já é hora para o chefe da Ferrari Stefano Domenicali realizar um balanço do que foi realizado pela escuderia até aqui. Apesar de ressaltar a importância de ocupar a ponta tanto no Mundial de Pilotos, com Felipe Massa, quanto no de Construtores, o italiano lamenta que alguns erros tenham custado à equipe pontos que poderiam garantir ainda mais tranqüilidade.

Estreando no cargo de diretor esportivo ferrarista após a saída do francês Jean Todt, no fim do ano passado, Domenicali admite que as tabelas de classificação são bastante favoráveis, mas não deixa de se lembrar dos problemas de confiabilidade no F2008 que não foram vistos em gestões anteriores.


“Se olhamos os números nos damos por satisfeitos, mas não devemos esquecer que nem tudo são flores”, afirmou, cauteloso, o homem-forte da equipe de Maranello em entrevista à imprensa italiana. “Deixamos pela estrada alguns pontos importantes em virtude da falta de confiabilidade ou porque cometemos erros em vários níveis. Nossa atual situação no campeonato poderia ser ainda melhor”.


Nesse contexto, Domenicali fala sobre o Grande Prêmio da França, disputado em 22 de junho, onde a dobradinha da Ferrari quase caiu por terra quando ocorreu um problema no escapamento de Kimi Raikkonen. “Mesmo em um fim-de-semana em que o nosso rendimento era claramente superior ao dos adversários estivemos sob risco de não atingir o principal objetivo. Fomos hábeis e tivemos até um pouco de sorte para conseguir manter na pista o carro de Kimi”.


Fonte: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *