F1: Ferrari substitui o engenheiro responsável pelo erro de Abu Dhabi

O australiano Chris Dyer, que era o chefe da engenharia da Ferrari no último GP de Abu Dhabi e foi apontado como o maior responsável pelo erro de estratégia que custou o título a Fernando Alonso, será substituído por Pat Fry, segundo anunciou a escuderia na terça-feira.

Fry é ex-engenheiro da McLaren e agora assumirá a chefia da área na Ferrari. Dyer, por sua vez, “terá a sua posição redefinida nos próximos dias”, de acordo com o comunicado da equipe italiana.

No GP de Abu Dhabi, Chris Dyer chamou Fernando Alonso para os boxes na 16ª volta, mas o espanhol voltou atrás de Vitaly Petrov, e o russo não entrou mais nos boxes porque já tinha parado durante a entrada do safety car no começo da prova

Assim, o piloto da Ferrari não conseguiu a ultrapassagem e continuou preso no sétimo lugar atrás da Renault até o final, perdendo o título para Sebastian Vettel.

Aquele erro de estratégia motivou outra mudança no corpo técnico da Ferrari. A equipe criou um departamento de pesquisas operacionais, que será comandado por Neil Martin, ex-Red Bull e McLaren. Ele se reportará ao diretor técnico Aldo Costa.

Dyer, por sua vez, aguarda um novo reposicionamento dentro da equipe. Ele chegou à Ferrari em 2001, e trabalhou como engenheiro de Michael Schumacher e de Kimi Raikkonen. Em 2009, foi promovido a chefe de engenharia, cargo que acabou de perder.

Fonte: UOL Esporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *