F1: FIA anuncia que 13ª vaga no grid de F-1 não será ocupada em 2011

A indecisão da Federação Internacional do Automobilismo sobre a 13ª vaga no grid da Fórmula 1, que ficou à disposição após a desistência da USF1, chegou ao fim nesta quarta-feira durante reunião do Conselho Mundial em Paris. A entidade decidiu que nenhuma das concorrentes atingiu as exigências para entrar no campeonato e que o grid continuará com 24 carros em 2011.

“Após o comunicado de imprensa de 19 de março de 2010 que pedia declarações de interesse em participar das temporadas 2011 e 2012 do Campeonato Mundial de Fórmula 1 da FIA, um número de equipes interessadas mostraram interesse. Foi considerado que nenhuma das candidatas atingiu as exigências requeridas para receber o direito de entrar no campeonato. Consequentemente, a concessão para a 13ª vaga não será cedida”, declarou a entidade.

As principais favoritas eram a espanhola Epsilon Euskadi, a italiana Durango, em parceria com o canadense Jacques Villeneuve, e a sérvia Stefan GP. Ao longo do processo, equipes como ART e Cypher já haviam retirado suas candidaturas.

Ano passado, quatro times foram escolhidos para estrear em 2010 na categoria, mas apenas três conseguiram: Hispania, Lotus e Virgin.

Fonte:  Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *