F1: Fiscal de pista morre após ser atropelado por guindaste no Canadá

Um fiscal de pista do Grande Prêmio do Canadá de Fórmula 1 morreu neste domingo após ser atropelado por um guindaste durante a prova, vencida pelo alemão Sebastian Vettel. O homem, que ainda não teve sua identidade divulgada, foi atingido pelo veículo que retirava o carro do mexicano Esteban Gutiérrez da área do circuito.

O fiscal de pista ajudava a coordenar a remoção do carro do piloto da Sauber quando tropeçou e caiu no chão bem à frente do guindaste. O comissário que guiava o equipamento não viu seu companheiro e o atropelou.

O funcionário do GP do Canadá foi atendido no centro médico do circuito e depois transferido de helicóptero ao Hospital Sacre-Coeur para receber tratamento no setor de traumatologia, mas não resistiu aos ferimentos.

Foi a terceira fatalidade com um fiscal de prova da Fórmula 1 desde 2000. No Grande Prêmio da Itália daquele ano, Paolo Ghislimberti morreu após ser atingido por uma roda que se soltou de um carro em acidente na primeira volta e voou sobre as barreiras de proteção.

Menos de um ano depois, no GP da Austrália de 2001, um acidente parecido vitimou Graham Beveridge. O fiscal foi atingido por uma roda que se soltou do carro após batida entre Jacques Villeneuve e Ralf Schumacher e passou por um buraco nas barreiras de segurança.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *