F1: Frank Williams deixa o comando de sua escuderia após 34 anos

Frank Williams, de 68 anos, informou nesta quinta-feira que deixará o comando da companhia que leva seu nome. Em seu lugar, assumirá o diretor executivo da Williams, Adam Parr, que acumulará os dois cargos.

“Gostaria de enfatizar fortemente que isso não é um anúncio de aposentadoria. Eu amo a Fórmula 1, tenho um grande envolvimento com a companhia e seguirei participando ativamente. Aposentar-me ainda não passa pela minha cabeça”, disse Williams em Silverstone.
O agora ex-presidente da escuderia fundou a Williams em 1966, e sob seu comando viu serem campeões da Fórmula 1 pilotos como Alan Jones, Keke Rosberg, Nelson Piquet, Nigel Mansell, Alain Prost, Damon Hill e Jacques Villeneuve.
Em 1986, sofreu um grave acidente na França, que o deixou paraplégico. Mesmo assim, seguiu administrando sua escuderia.
“Assumirei a responsabilidade de comandar a companhia, mas Frank segue conosco e, portanto, segue como nome, rosto e inspiração de todos”, explicou Parr.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *