F1: Garcia faz duras críticas a Nelsinho Piquet

O presidente da Federação Espanhola de Automobilismo, Carlos Gacia, fez duras críticas ao piloto brasileiro Nelsinho Piquet e ao seu pai, o tricampeão mundial Nelson Piquet.

Garantindo seriedade na equipe Renault, Carlos Garcia elogiou a saída de Flavio Briatore e Pat Symonds da equipe francesa, porém, o dirigente não quer que Nelsinho saia como santo do escândalo. Para ele, o principal responsável pela manobra suspeita no GP de Cingapura foi o próprio piloto.

– A atitude mais intratável e vagabunda dessa história é a de Nelsinho Piquet. Se dependesse de mim, esse garoto não ajudaria nem cegos a andar pela calçada – disse o dirigente à rádio espanhola Onda Cero.

O dirigente continuou os ataques a Nelsinho, dessa vez, comentando sobre os dados da telemetria do carro na hora da batida.

– Os dados dizem que ele segue acelerando, mas se trata de um tonto que não sabe nem se perdeu o controle do carro – disse Garcia

Carlos Garcia ainda disse que o brasileiro perdeu uma grande oportunidade de aprender com Fernando Alonso e crescer na carreira.

– Nelsinho tinha uma chance de ouro. A possibilidade de trabalhar e aprender com Fernando Alonso. Em vez de aproveitá-la, foi um desastre nos quase dois anos em que esteve no time – disse o dirigente, referindo-se as 17 batidas de Nelsinho durante o tempo em que permaneceu na Renault.

Fonte: LANCEPRESS!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *