F1: Governo alemão concede US$ 312 milhões a Nürburgring

Empréstimo é para reformar circuito ameaçado de fechar por má gestão

Aqueles que sonham em correr nas tortuosas curvas do circuito de Nürburgring, na Alemanha, podem voltar a ter esperanças. A pista, utilizada também para que montadoras testem seus carros, estava ameaçada de ser fechada por má administração e desvio de verba. Diante disso, o governo alemão assumiu o controle interno do circuito e elegeu administradores provisórios. Mesmo diante do complicado quadro econômico europeu, a comissão de orçamento da Renânia-Palatinado aprovou, nesta quarta-feira (1º), um empréstimo de 254 milhões de euros (US$ 312 milhões) para quitar a dívida de quase US$ 300 milhões. A medida não foi consensual: alguns membros do governo germânico não concordaram com esta colaboração imediata.

A existência do circuito estava ameaçada porque a Nürburgring Automative GmbH (NAG), responsável pela gestão da pista, teria se apropriado de dinheiro público, fechado instalações e demitido funcionários. A verba viabilizada pelo governo alemão destinava-se à construção de um hotel, um centro de convenções, uma galeria e uma montanha-russa, no mesmo local. Mas os dois investidores não permitiram que o projeto saísse do papel após desvios de verbas serem registrados. Desde então, o governo alemão passou a controlar o circuito e, agora, afirmou que emprestará a verba para a recuperação de Nürburgring.

Fonte: AutoEsporte

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *