F1: GP do México pode sair do calendário da Fórmula 1 em 2020

A partir de 2020, o Grande Prêmio do México pode deixar de acontecer. O evento, que voltou a fazer parte do calendário da Fórmula 1 em 2015, deixará de receber financiamento do governo mexicano, e assim tem o seu futuro incerto.

O GP do México recebia um investimento de 400 milhões de pesos (cerca de R$73 milhões), dinheiro esse que deixará de ser injetado. Além disso, o seu contrato com a F1 se encerra no final de 2019, e ainda não houve nenhuma assinatura de extensão do vínculo.

“Para 2020, o governo federal não comprometerá este recurso…Agora eles estarão destinando a maior parte dos fundos para a conclusão do trem turístico maia ou do trem maia”, disse a chefe de governo da Cidade do México, Claudia Sheinbaum, em declarações ao jornal mexicano El Financiero.

Agora, a saída encontrada pelos organizadores da corrida mexicana será pedir ajuda para a FOM, empresa que pertence ao grupo Liberty Media, justamente aquele que chefia e opera a Fórmula 1.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *