F1: Informação sobre espionagem saiu de fora da F-1

Segundo a Ferrari quem informou sobre os documentos em poder de Mike Coughlan, foi uma pessoa de fora da F-1, e que não acionou a policia inglesa, mas já entrou com uma ação contra o funcionário da McLaren, na Corte de Londres.

 


Uma ação igual foi aberta pela Corte de Módena, na Itália.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *