F1: Jacques Swaters falece aos 84 anos

O belga Jacques Swaters, piloto de F-1 na década de 1950, faleceu na sexta-feira (10/12), aos 84 anos, em sua casa em Bruxelas, na Bélgica.

Nascido em Woluwé-St-Lambert em 30 de outubro de 1926 Swaters começou a carreira em 1948, nas 24 Horas de Spa-Francorchamps. Três anos depois estreou na F-1, no GP da Alemanha, com um Talbot Lago da Ecurie Belgique (que ajudou a fundar), substituindo o compatriota André Pilette, acidentado em uma prova. Após largar da 22ª posição, terminou em 10º lugar.

Swaters disputou mais sete GPs na F-1 até 1954, seis pela Ecurie Francorchamps, equipe que também ajudou a fundar. Seu melhor resultado foi o 7º lugar no GP da Alemanha de 1953, com uma Ferrari 500. Em provas não válidas pelo campeonato, comuns naquela época, ele venceu o IX Internationales Avusrennen, em 1953.

Nas corridas de carros esporte, Swaters terminou em 3º lugar nas 24 Horas de Le Mans de 1955, pilotando um Jaguar D-type.

Em 1957 ele se retirou das pistas, se tornando diretor da Ecurie Nationale Belge, união da Ecurie Francorchamps, Ecurie Belgique e Ecurie Belge.

Em 1964 Swaters deixou a ENB, voltando as sua atenções para as corridas de carros esporte, com a Ecurie Francorchamps (que se manteve independente da ENB). A equipe colecionou diversas vitórias em provas importantes na Europa, como os 500 km de Spa de 1965.

A Ecurie Francorchamps se manteve ativa até 1982. Swaters continuou como representante da Ferrari na Bélgica. Ele tinha uma grande amizade com o comendador Enzo Ferrari, que lhe forneceu diversos carros para as competições. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *