F1: Jornais alemães exaltam bi de Vettel, o ‘menino prodígio’ da F-1

Após o segundo título mundial de Sebastian Vettel, conquistado no último domingo em Suzuka, no Japão, a imprensa de seu país natal, a Alemanha, celebrou as conquistas do jovem piloto da Red Bull, que venceu com uma larga vantagem na classificação entre os pilotos.

“Já é imbatível?”, perguntou o Bild, um dos jornais mais lidos do país. Já o Suddeutsche Zeitung espera ainda mais conquistas de Vettel, comparando-o com o maior campeão da F-1, Michael Schumacher, dono de sete títulos.

“Que tenha conseguido defender o título tão cedo com tantos rivais é alentador. Schumacher tinha apenas um único rival em pleno apogeu”, publicou o veículo, que até exagerou mais à frente. “Se Vettel pilotar tanto tempo quanto Schumacher, poderá ser campeão do mundo 19 vezes”.

“O segundo menino prodígio alemão após Boris Becker está entre nós”, disse o Leipziger Volkszeitung  sobre o piloto de 24 anos, fazendo referência ao tenista ex-número um do mundo. O periódico também disse que ele é uma “super estrela que não se comporta como tal”, com uma mentalidade “que não responde aos ataques, seja na vida ou no carro”.

“Após anos marcados por escândalos, intrigas e campanhas diversas, a Fórmula 1 pode, por fim, dar manchetes positivas. Isso se deve a Vettel e seus resultados”, escreveu o jornal Westfalische Nachrichten. “Da administração do motor ao uso dos pneus e o conhecimento técnico, ele soube tirar o melhor dos engenheiros e demonstrou ter um grande espírito de equipe, ao contrário de muitos antecessores”, completou.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *