F1: Jornal espanhol defende desclassificação da Brawn em Melbourne

Enquanto o caso dos difusores ainda nao é julgado pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA), o jornal espanhol Marca defende que a Brawn GP perca a dobradinha de Jenson Button e Rubens Barrichello no GP da Austrália, abertura do Mundial 2009.

A publicação acredita que o time “caçula” da Fórmula 1 tenha cometido uma irregularidade deixando o escapamento aparecendo cerca dez centímetros na carroceria – durante a pré-temporada, a Ferrari foi advertida pela FIA por conta do mesmo problema, sendo obrigada a modificar seu bólido.

De acordo com o regulamento técnico do Mundial 2009 da Fórmula 1, nenhum elemento pode sobressair na parte de cima do casco. Porém, na Austrália, nenhuma equipe protestou contra a Brawn GP por este motivo.

De qualquer forma, o Marca ressalta que, com medo, Ross Brawn mandou que a polêmica zona fosse modificada, alargando-se a peça de fibra de carbono que encobre a peça, deixando-a fora da zona de visão.

Até agora, a FIA não se manifestou sobre o caso, enquanto a questão dos difusores será resolvida em 14 de abril.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *