F1: Kers pode retornar à Fórmula 1 em 2011

A Fota (Associação das equipes de Fórmula 1) pretende retornar com o Kers (sistema de reaproveitamento de energia cinética) para a próxima temporada, porém com um fornecedor independente, segundo a revista inglesa Autosport.

Ferrari e Renault lideram a iniciativa e pretendem instalar o sistema em seus carros de rua também, visando torná-los ecologicamente corretos. Porém, algumas equipes estão contra o retorno da tecnologia para temporada que vem, pois querem aguardar as novas especificações de motores que devem ser aplicadas em 2013.
O custo do sistema é o principal motivo da recusa dessas equipes, pois prejudicaria as equipes novatas que não teriam condições de contar com a nova tecnologia. A Flybrid, empresa britânica de engenharia, foi a solução. A empresa se propôs a fornecer o Kers para as equipes interessadas no ano que vem.
Mike Gascoyne, diretor técnico da Lotus, deixou claro sua preferência de esperar até 2013 para a utilização do sistema de reaproveitamento de energia cinética. “Acho que, para nós, obviamente a implementação do Kers é muito difícil. Achamos que é muito relevante e que é uma boa mensagem para o esporte, mas achamos que faz muito mais sentido implementá-lo com um novo motor em 2013”, afirmou.
Mas se realmente começar a ser utilizado ano que vem, o dirigente disse que terá de analisar as condições financeiras. “Entretanto, se for oferecido para o ano que vem, teríamos de olhar para isso, mas teria de ser algo sensível comercialmente”, concluiu.
Fonte: Lancepress!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *