F1: Massa “Estava doido para voltar no GP do Brasil”

Responsável por dar a bandeirada no GP do Brasil, Felipe Massa admitiu que preferia estar em outro lugar durante a corrida do próximo domingo. “Estava doido para voltar em Interlagos, seria sensacional”, comentou o piloto, em entrevista concedida à TV Globo.

Conforme seu pai, Titônio, havia adiantado na noite desta terça-feira, Felipe só disputará uma corrida oficial no ano que vem – até lá, o piloto será substituído pelo italiano Giancarlo Fisichella. “Estou feliz, contente e pronto para fazer uma corrida”, destacou o piloto.

Massa voltou a guiar um carro de Fórmula 1 na última segunda-feira, 79 dias após ter a cabeça acertada por uma mola que se soltou do carro de Rubens Barrichello durante o treino classificatório para o GP da Hungria. O ferrarista testou com o modelo de 2007 da Scuderia no circuito de Fiorano, usando pneus da Fórmula GP2.

“Pelo menos para sentar e guiar está tudo como antes”, comentou o piloto, que disse não ter sentido nenhum receio antes de acelerar novamente. “Não tive nenhum medo, até porque já tinha andado de kart e feito muito exercício físico. Estava com 95% de certeza que tudo seria normal e já nas duas primeiras voltas os 5% de dúvida passaram”, brincou.

Felipe ainda analisou as chances de Barrichello vencer o campeonato de 2009 – o brasileiro precisa descontar os 14 pontos de vantagem de Jenson Buttton em duas corridas.

“É difícil porque é bastante coisa, mas vou torcer por ele como ele torceu por mim no ano passado. Falei para o Rubinho só se concentrar em vencer o GP do Brasil porque o que tiver que acontecer vai acontecer”, apostou Massa.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *