F1: Mercedes anuncia compra da Brawn e deixa McLaren em 2 anos

Confirmando os recentes boatos, a entrevista coletiva convocada pela Mercedes-Benz para esta segunda-feira em Frankfurt serviu para anunciar que a montadora é a nova sócia majoritária da Brawn GP. Agora proprietários de 75,1% das ações da equipe, os alemães estabeleceram também um prazo de dois anos para vender sua parte na McLaren, para quem continuará fornecendo motores até 2015.

Até 2011, portanto, serão invertidos completamente os papéis exercidos durante a última temporada da Fórmula 1, na qual a Brawn foi campeã apenas utilizando os propulsores da Mercedes. Nas últimas semanas, muito se especulou que o casamento da companhia com a McLaren estivesse em crise – estabelecido em 1995, ele só será mantido provisoriamente.

“A Mercedes competirá no Mundial do ano que vem com seu próprio time de fábrica”, informou Dieter Zetsche. O germânico é o presidente da Daimler AG, corporação que controla a Mercedes e tem outros negócios na Alemanha. “Isso será possível a partir da aquisição de 75,1% da Brawn GP, sendo que 45,1% serão da Daimler”, emendou, contando ainda que o restante das ações será controlado por Ross Brawn, Nick Fry e outros membros que já fazem parte da antiga Honda.

Assim, Ross Brawn deixa o cargo de proprietário para ser novamente o chefe do time de Brackley, papel que desempenhava quando foi contratado ainda pela empresa japonesa, em 2007.

A decisão também mexe com o futuro da McLaren. Dentro de dois anos, o time readquirirá os 40% de suas ações que hoje são de posse da Mercedes. Apesar disso, os carros prateados continuarão tendo motores alemães pelo menos até 2015, sendo que o novo contrato foi anunciado também nesta segunda.

Logo em sua temporada de estreia, a Brawn GP faturou o título dos Mundiais de Pilotos, com o inglês Jenson Button, e de Construtores. Rubens Barrichello, que acertou recentemente com a Williams, foi o outro piloto da escuderia em 2009.

Fonte: Gazeta Esportiva

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *