F1: Mesmo prejudicado, Massa ‘perdoa’ erros da Ferrari

Precisando de uma virada histórica sobre Lewis Hamilton no GP Brasil para ficar com o título da temporada 2008 de Fórmula 1, o brasileiro Felipe Massa poderia estar em uma situação bem mais confortável não fossem as falhas da Ferrari. Em pelo menos duas ocasiões (Hungria e Cingapura), o piloto perdeu vitórias certas por conta de erros da equipe, que, caso não ocorressem, poderiam fazê-lo chegar a Interlagos já consagrado como o novo campeão do mundo.

Entretanto, Felipe garante entender o lado da escuderia de Maranello, que deixou seu motor estourar nas voltas finais em Budapeste e o liberou dos boxes antecipadamente em Cingapura. “Somos uma equipe. E não sou eu quem vou apontar falhas de ninguém, pois todo mundo tem o direito de errar”, discursou o piloto, durante visita a uma escola pública de São Paulo nesta segunda-feira. “Nós ganhamos e perdemos juntos”, emendou.


Ao todo, Massa não marcou pontos em cinco das 17 etapas já realizadas (Austrália, Malásia, Inglaterra, Hungria e Cingapura). Líder do Mundial e favorito à conquista do título no próximo domingo, Hamilton saiu de mãos abanando em quatro oportunidades (Bahrein, Canadá, França e Japão). “O esporte é assim mesmo. Nossa equipe trabalha dia e noite para estar 100%, mas infelizmente as coisas acabam não dando certo algumas vezes”, lamentou.


Precisando de sorte, além de um desempenho primoroso no próximo domingo, Felipe garante que não se preocupa com os compromissos de patrocinadores às vésperas do GP Brasil. “Estar aqui ajudando nesta campanha de incentivo à leitura é maravilhoso. Encontrar esse monte de crianças só me ajuda, me dá uma força muito grande. Os outros compromissos com patrocinadores são mais tranqüilos”, assegurou.


Fonte: Gazeta Press

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *