F1: Nelsinho Piquet larga na oitava fila na Hungria

Treino caótico foi marcado por acidente com o brasileiro Felipe Massa.

A Fórmula 1 viveu um sábado de apreensão no circuito de Hungaroring, próximo a Budapeste, onde será disputado neste domingo o Grande Prêmio da Hungria. O brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, sofreu um forte impacto contra uma barreira de pneus após ser atingido em seu capacete por uma peça que soltara-se da suspensão traseira do Brawn GP do compatriota Rubens Barrichello, nos instantes finais do Q2, a segunda fase do treino de classificação. Felipe ficou inconsciente por alguns instantes, sofreu um corte na testa e foi removido para o AEK Hospital, em Budapeste, onde passou por uma cirurgia bem-sucedida. Massa permanece em observação e seu estado é estável. O piloto não participa da prova deste domingo.

 

A sessão de classificação terminou com uma pane no sistema de cronometragem e a pole position ficou com o espanhol Fernando Alonso, da ING Renault, seguido do alemão Sebastian Vettel e do australiano Mark Webber, companheiros de equipe na Red Bull Racing. O brasileiro Nelsinho Piquet, por sua vez, viveu dois momentos distintos na sessão de classificação. Na primeira fase do treino, o Q1, Nelsinho conseguiu uma excelente volta nos instantes finais da sessão, garantindo o quinto posto e passando ao Q2. Já na segunda fase o brasileiro teve a chance de passar ao Q3 na sua última tentativa, mas sua volta foi comprometida pelas bandeiras amarelas após o acidente com a Ferrari de Massa e Nelsinho ficou com a 15ª colocação no grid de largada. Ao deixar o seu carro, Nelsinho dirigiu-se ao centro-médico do autódromo, atrás de informações sobre o estado de Felipe Massa. “O acidente foi terrível, mas Graças a Deus tudo não passou de um enorme susto. Eu desejo que fique logo tudo bem com o Felipe e que ele se recupere o mais rápido possível”, declarou Nelsinho. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *