F1: No palco da primeira vitória, Felipe Massa crava a pole position

O brasileiro Felipe Massa, da Ferrari, conquistou a pole position para o Grande Prêmio da Turquia de Fórmula 1 pelo segundo ano consecutivo. Com um melhor tempo de 1min27s329 registrado no treino de classificação deste sábado, o piloto ferrarista sai em primeiro na 12ª etapa da temporada.

Completando a primeira fila no grid deste domingo aparece o líder do Mundial, Lewis Hamilton, que com a sua McLaren registrou uma melhor marca de 1min27s373.

Na última temporada, a pole position que também foi registrada por Massa teve um tempo aproximadamente 0s4 mais veloz, com 1min26s907. O brasileiro também conquistou a vitória da corrida, a sua primeira na categoria.

Companheiro de Massa na Ferrari, o finlandês Kimi Räikkönen registrou o terceiro melhor tempo na classificação, em 1min27s546, conseguindo se manter na frente de um de seus principais adversários, Fernando Alonso. O piloto da McLaren, vice-líder do Mundial, marcou 1min27s574 para largar apenas na quarta posição.

Os carros da BMW ocupam suas posições usuais, como “melhores entre os restantes”, e largam na terceira fila, atrás apenas de Ferrari e McLaren. O polonês Robert Kubica superou seu companheiro, Nick Heidfeld, por apenas 0s3, e sai em quinto. Na primeira parte da classificação os dois pilotos tinham registrado exatamente o mesmo tempo.

O brasileiro Rubens Barrichello não conseguiu melhorar muito seu desempenho em relação aos treinos livres da sexta-feira (quando foi o 15º nos tempos combinados do dia) e larga da 14ª posição no grid turco. Com a marca de 1min28s188 ele conseguiu superar seu companheiro, Jenson Button, que sai um posto atrás após registrar 1min28s220.

Uma das decepções da sessão classificatória foi Ralf Schumacher, da Toyota. Nos treinos livres da sexta-feira ele ficou entre os quatro mais rápidos. Neste sábado, no entanto, registrou somente o 18º tempo.

Anthony Davidson ficou próximo de dar para a Super Aguri sua segunda largada entre os dez primeiros, quando registrou o oitavo melhor tempo na segunda classificação. No entanto, melhorias encontradas por Giancarlo Fisichella, da Renault, Nico Rosberg, da Williams, e Jarno Trulli, da Toyota, jogaram o piloto britânico para a 11ª posição – a 0s022 dos dez primeiros, igualando seu melhor posto de largada da carreira. Seu companheiro, o japonês Takuma Sato, larga em 19º.

A largada do GP da Turquia acontece neste domingo, às 9h (de Brasília).

Confira o grid de largada:

1º – Felipe Massa (BRA/Ferrari) – 1min27s329
2º – Lewis Hamilton (ING/McLaren-Mercedes) – 1min27s373
3º – Kimi-Matias Raikkonen (FIN/Ferrari) – 1min27s546
4º – Fernando Alonso (ESP/McLaren-Mercedes) – 1min27s574
5º – Robert Kubica (POL/BMW-Sauber) – 1min27s722
6º – Nick Heidfeld (ALE/BMW-Sauber) – 1min28s037
7º – Heikki Kovalainen (FIN/Renault) – 1min28s491
8º – Nico Rosberg (ALE/Williams-Toyota) – 1min28s501
9º – Jarno Trulli (ITA/Toyota) – 1min28s740
10º – Giancarlo Fisichella (ITA/Renault) – 1min29s322
11º – Anthony Davidson (ING/Super Aguri-Honda) – 1min28s002
12º – Mark Webber (AUS/Red Bull-Renault) – 1min28s013
13º – David Coulthard (ESC/Red Bull-Renault) – 1min28s100
14º – Rubens Barrichello (BRA/Honda) – 1min28s188
15º – Jenson Button (ING/Honda) – 1min28s220
16º – Alexander Wurz (AUT/Williams-Toyota) – 1min28s390
17º – Vitantonio Liuzzi (ITA/Toro Rosso-Ferrari) – 1min28s798
18º – Ralf Schumacher (ALE/Toyota) – 1min28s809
19º – Takuma Sato (JAP/Super Aguri-Honda) – 1min28s953
20º – Sebastian Vettel (ALE/Toro Rosso-Ferrari) – 1min29s408
21º – Adrian Sutil (HOL/Spyker-Ferrari) – 1min29s861
22º – Sakon Yamamoto (JAP/Spyker-Ferrari) – 1min31s479

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *