F1: Pneus intermediários e macios voltam a ser utilizados na Alemanha

Depois de provas consideradas de direção mais tranqüila por parte dos pilotos, o Grande Prêmio da Alemanha é adorado pelos pilotos e equipes pela sua exigência à frente do volante. Por conta da dificuldade de adaptação ao piso do circuito de Nurburgring, a Pirelli decidiu promover o retorno dos pneus intermediários e macios para a prova germânica neste final de semana.

A intenção dos engenheiros da Pirelli é auxiliar os pilotos no controle da pista de 5.148m, que apresenta diversas subidas e descidas, mudanças de traçado e curvas fortes, além da instável condição térmica na região das montanhas Eifel. Por conta desse problema, a fábrica italiana decidiu implementar os pneus que permitem uma maior variação de estratégias por parte dos times.

“Nurburgring é um dos circuitos mais técnicos que já enfrentamos na temporada, com os pneus sofrendo muita força nas laterais, o que faz com que a estratégia seja muito importante”, explicou Paul Hembery, diretor da Pirelli Motorsport.

“Ainda que estejam próximos, há uma grande diferença entre o P-Zero amarelo (macio) e o P-Zero branco (intermediário), como vimos em Valência. A maior diferença deve ser o tempo, que deverá ser mais fresco que na Espanha. Significa que esperamos que os times tenham como estratégia fazer duas paradas – a não ser que chova, que aí tudo será possível”, contou.

Hembery afirmou que a Pirelli promete mostrar os dois jogos de pneus já na sexta-feira, nos treinos livres, e que ele espera entender o desempenho dos mesmos o quanto antes, com a ajuda das equipes.

“As equipes irão avaliar uma nova versão dos pneus P-Zero macios. Não tem uma grande mudança em relação ao modelo atual, mas foi produzido na mesma linha do pneu duro P-Zero (prata) e o médio (branco), agora um pouco mais duros que o original, a fim de reduzir a degradação. Ainda não sabemos quando poderemos utilizar os pneus, mas será interessante receber o retorno das equipes”, explicou.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *