F1: Presidente da Ferrari anuncia saída de Jean Todt

O francês Jean Todt decidiu deixar a Ferrari após 15 anos de trabalho. Ele resolveu abandonar o cargo no conselho administrativo e descartou a possibilidade de exercer qualquer outra função. A novidade foi anunciada por Luca di Montezemolo, presidente da escuderia italiana.

“Ele foi um protagonista fundamental na história da Ferrari nos últimos 15 anos”, afirmou o dirigente durante a assembleia de acionistas da marca. “Com sua capacidade e paixão, ganhou a estima e o afeto de todos na empresa e dos torcedores”, acrescentou Montezemolo.

Desde que chegou a Ferrari na temporada de 1993, Jean Todt exerceu diversos cargos, como diretor esportivo, diretor geral e membro do conselho de administração. Durante sua estadia, a escuderia conquistou seis títulos entre os pilotos, sete entre os construtores e ganhou 98 corridas.

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *