F1: Presidente da FIA admite GP na Índia

O presidente da Federação Internacional de Automobilismo, Max Mosley, indicou a Índia como um bom local para a realização de um Grande Prêmio de Fórmula 1.

As declarações de Mosley foram dadas após as “candidaturas” para a vaga do GP da Bélgica, que foi excluído do Mundial de 2006. A Alemanha também pode ficar sem sua prova.

“Seria muito lógico ter um GP na Índia. Tendo no calendário a China e a Índia, estaríamos prendendo a atenção da metade da população mundial”, explicou o presidente da FIA.

A Índia possui apenas um piloto na categoria, Narain Karthikeyan, que correu pela Jordan no ano passado e, nesta temporada, será piloto de testes da Williams.

O prefeito Cesar Maia oficializou, nesta semana, o interesse da cidade do Rio de Janeiro em sediar um GP.

No entanto, o Autódromo Nelson Piquet entrará em obras para os Jogos Pan-Americanos de 2007.

Além disso, o Brasil já possui a sua prova no calendário, o GP de Interlagos, que fechará a temporada, no dia 22 de outubro.

O GP da Bélgica seria realizado no dia 17 de setembro.

Fonte: Lancepress!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *