F1: Promessa da F-1 é parecida com Senna, diz dirigente da Red Bull

Aos 16 anos, Max Verstappen já atrai a atenção de dirigentes e fãs da Fórmula 1. Confirmado como substituto de Jean Éric-Vergne na Toro Rosso para a temporada de 2015, o holandês é tratado como uma promessa. Nesta quarta-feira, inclusive, Helmut Marko, chefe da equipe júnior da Red Bull, comparou o piloto com Ayrton Senna.

“O mais provável é Ayrton Senna”, disse Marko ao ser questionado para comparar o jovem piloto com algum nome já conhecido. “Ele é um talento excepcional que surge apenas uma vez em décadas. Você não deve olhar para a idade. Ele tem conversado com pessoas que são especialista no desenvolvimento de jovens e todos eles dizem que em termos de cabeça ele está mais para 22 do que 16 anos”, completou, elogiando também suas qualidades como piloto.

“A respeito de suas habilidades atrás do volante, ele corre desde que tinha quatro anos de idade – profissionalmente. Por isso, esperamos que ele seja competitivo desde a primeira corrida. Nós não estamos jogando na loteria. Nós sabemos o que estamos fazendo”, concluiu.

Verstappen foi anunciado como membro da equipe de desenvolvimento da Red Bull no começo de agosto. Cerca de uma semana depois, ele foi confirmado como substituto de Jean-Éric Vergne na Toro Rosso para a temporada de 2015, o que fará ele quebrar o recorde de piloto mais jovem a ser titular na história da F-1.

O holandês, que completará 17 anos no dia 30 de setembro, já faz testes com modelos antigos da Toro Rosso e deve ter a chance de fazer sua primeira aparição na categoria durante algum treino livre do GP do Japão. Para isso, ele aguarda que a FIA libere sua superlicença a tempo.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *