F1: Raikkonen rouba a cena e marca a pole em Monza

O finlandês da McLaren-Mercedes surpreendeu a todos conquistando a pole-position para o GP da Itália.


As apostas eram nas Ferrrari’s, mas quem garantiu a pole position foi o finlandês Kimi Raikkonen, que surpreendeu Schumacher, Massa e Alonso.


Schumacher fica em segundo, apenas 0s002 atrás do primeiro colocado, com Nick Heidfeld, da BMW Sauber, em terceiro. O quarto foi Felipe Massa, à frente de Fernando Alonso. Rubens Barrichello ficou com o nono posto, três atrás de seu companheiro Button.

O GP da Itália será disputado às 9h (horário de Brasília) deste domingo e, após a corrida, Schumacher provavelmente fará o anúncio de sua aposentadoria. O heptacampeão tem 12 pontos de desvantagem em relação a Alonso no Mundial.

Na primeira parte do treino, ficaram fora da próxima sessão: Liuzzi; Albers; Webber; Monteiro; Sato e Yamamoto.


Os brasileiros Felipe Massa e Rubens Barrichello, praticamente no final da sessão, garantiram passagem para a segunda parte do treino classificatório. Já Schumacher e Alonso estiveram sempre à frente.

Na segunda fase do treino, foram eliminados da disputa pela pole position: Trulli; Rosberg; Ralf Schumacher; Coulthard; Speed e Klien.

Na última sessão, 10 carros vão para pista. Eles têm o combustível que largarão amanhã, por isso utilizam os primeiros minutos da sessão para gastar este “excesso de peso”.

Após mais de cinco minutos com os pilotos apenas rodando para queimar combustível, Schumacher, Massa, Alonso e Raikkonen iniciaram a disputa pela ponta no GP da Itália.

No entanto, antes mesmo de iniciarem suas voltas rápidas, o piloto italiano Giancarlo Fisichella teve problemas em seu pneu traseiro direito, que estourou e o forçou a realizar uma troca de pneus.

Nas voltas rápidas, o finlandês Kimi Raikkonen surpreendeu a todos e cravou o melhor tempo, garantindo a pole position.

Confira o grid:

1. Kimi Raikkonen (FIN) McLaren-Mercedes/M – 1min21s484
2. Michael Schumacher (ALE) Ferrari/B – 1min21s486
3. Nick Heidfeld (ALE) BMW Sauber/M – 1min21s653
4. Felipe Massa (BRA) Ferrari/B – 1min21s704
5. Fernando Alonso (ESP) Renault/M – 1min21s829
6. Jenson Button (ING) Honda/M – 1min22s011
7. Robert Kubica (POL) BMW Sauber/M – 1min22s258
8. Pedro de la Rosa (ESP) McLaren-Mercedes/M – 1min22s280
9. Rubens Barrichello (BRA) Honda/M – 1min22s787
10. Giancarlo Fisichella (ITA) Renault/M – 1min23s175

11. Jarno Trulli (ITA) Toyota/B – 1min21s924
12. Nico Rosberg (ALE) Williams-Cosworth/B – 1min22s203
13. Ralf Schumacher (ALE) Toyota/B – 1min22s280
14. David Coulthard (ESC) Red Bull-Ferrari/M – 1min22s589
15. Scott Speed (EUA) Toro Rosso-Cosworth/M – 1min23s165
16. Christian Klien (AUT) Red Bull-Ferrari/M – sem tempo
17. Vitantonio Liuzzi (ITA) Toro Rosso-Cosworth/M – 1min23s043
18. Christijan Albers (HOL) MF1-Toyota/B – 1min23s116
19. Mark Webber (AUS) Williams-Cosworth/B – 1min23s341
20. Tiago Monteiro (POR) MF1-Toyota/B – 1min23s920
21. Takuma Sato (JAP) Super Aguri-Honda/B – 1min24s289
22. Sakon Yamamoto (JAP) Super Aguri-Honda/B – 1min26s001

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *