F1: Receita da Williams teve alta de 5% no primeiro semestre de 2011

A Williams Grand Prix Holdings teve um aumento de 5% em sua receita no primeiro semestre de 2011, segundo informações oficiais divulgadas pela equipe nesta quarta-feira. Com isto, o valor subiu para 47,3 milhões de libras (aproximadamente R$ 125 milhões).

A escuderia passou a colocar suas ações na bolsa de Frankfurt no último mês de março. Nos primeiros seis meses do ano, o lucro destas ações aumentou em 49% e a equipe ainda espera fechar 2011 com uma margem de crescimento geral de 12% a 20%.

“A primeira metade de 2011 mostrou dinâmica no crescimento, com base nos fundamentos traçados em 2010. Nossa parceria com a Jaguar-Land Rover foi seguida por uma empolgante aliança com a Renault, que reforçará mais tarde nosso desempenho médio dentro e fora da pista”, explicou o dono do time, Frank Williams.

“Estamos orgulhosos de informar os resultados provisórios que demonstram o progresso da estratégia do nosso grupo. O núcleo comportou-se de acordo com as expectativas. Fizemos várias contratações em termos de engenharia e aerodinâmica, o que fortaleceu nossa equipe”, acrescentou Adam Parr, presidente da equipe.

Para o ano que vem, é esperado que o time formado pelo brasileiro Rubens Barrichello e o venezuelano Pastor Maldonado tenha um desempenho melhor do que em 2011, visto que os atuais motores Cosworth serão substituídos pelos Renault, os mesmos usados pela atual campeã Red Bull.

Fonte: GazetaEsportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *