F1: Red Bull promete protestar contra carro da McLaren

O clima nos bastidores da Fórmula 1 prevê uma ‘queda de braço’ entre as diretorias da McLaren e da Red Bull. Enquanto a primeira escuderia aguarda apenas o sinal verde da FIA para mexer em seu carro, a Red Bull promete protestar caso isso aconteça. As informações são do jornal espanhol As.

O chefe da Red Bull, Christian Horner, pretende protestar caso a McLaren consiga vantagem no próximo GP da temporada, marcado para a China.
“Se a McLaren mexer no carro na China, protestaremos porque teoricamente é ilegal. A FIA revistou nosso carro na Malásia e não encontrou nada. Se a McLaren fizer isso, entraremos em desvantagem”, afirmou Horner.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *