F1: Richards pode levar Aston Martin à categoria

A Aston Martin, tradicional fabricante inglesa de carros e que disputou cinco corridas na F-1 entre 1959 e 1960, poderá retornar para a principal categoria do automobilismo mundial a partir do próximo ano.

A Ford, até então proprietária da marca e enfrentando a maior crise de sua história, consolidou a venda da Aston Martin por 880 milhões de dólares para um consórcio de investidores chefiado pelo inglês David Richards, dono da Prodrive.


“Esta era uma oportunidade incrível. A Aston Martin é uma das marcas de carro mais míticas do planeta”, afirmou Richards, que assumirá o posto de presidente não-executivo da marca inglesa.


A Prodrive, por sua vez, disputará a temporada de 2008 da F-1 e anunciará neste final de semana, durante o GP da Austrália , os responsáveis pelo fornecimento de chassis e motores para seu time.


Segundo a imprensa européia, o nome da Aston Martin já corre forte nos corredores da empresa. No entanto, caso o anúncio da Aston Martin não se concretize, os especialistas acreditam que os possíveis fornecedores da Prodrive seriam a McLaren e a Mercedes-Benz.

Fonte: Grande Prêmio

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *