F1: Rosberg se impõe e faz o melhor tempo do dia

Ofuscado pela presença de Michael Schumacher na Mercedes, Nico Rosberg deu o primeiro aviso de que pretende incomodar bastante o heptacampeão mundial nesta temporada. No Bahrein, o jovem foi o piloto mais rápido da segunda sessão de treinos livres, estabelecendo o melhor tempo da sexta-feira: 1min55s409.

Schumi bem que tentou, mas teve que se contentar com a terceira colocação, quase meio segundo mais lento que o compatriota. A segunda colocação foi de Lewis Hamilton, que viu seu companheiro de McLaren, Jenson Button, ficar em quarto.

Na briga interna na Ferrari, Felipe Massa devolveu a “derrota” sofrida para Fernando Alonso no primeiro treino e, com uma boa volta no fim da sessão, chegou ao sétimo lugar. O bicampeão mundial foi o nono, imediatamente atrás do estreante russo Vitaly Petrov, uma das boas surpresas do dia.

Rubens Barrichello, por sua vez, foi apenas o 13º colocado, enquanto seu parceiro de Williams, Nico Hulkenberg, ficou em sexto lugar. O atual campeão da GP2 já havia sido mais rápido que o veterano verde-amarelo no primeiro treino livre.

As escuderias novatas não foram além do que se esperava delas: lentidão e o estabelecimento de uma “subcategoria” dentro da Fórmula 1. A bordo da Lotus, o finlandês Heikki Kovalainen guiou o carro mais rápido entre as estreantes, estabelecendo 2min00s873, mais de cinco segundos atrás do que fez Rosberg.

Lucas di Grassi e Bruno Senna fecharam a tabela, ocupando respectivamente a 21ª e a 22ª colocação. O sobrinho de Ayrton Senna, porém, teve mais problemas e sofreu com reclamações de outros pilotos devido ao mau desempenho de seu carro. Já Sébastien Buemi e Karun Chandhok nem marcaram tempo.

Confira o resultado do segundo treino livre no Bahrein:

1 – Nico Rosberg (ALE/Mercedes) – 1min55s409 (23)
2 – Lewis Hamilton (ING/McLaren) – a 0s445 (22)
3 – Michael Schumacher (ALE/Mercedes) – a 0s494 (23)
4 – Jenson Button (ING/McLaren) – a 0s667 (28)
5 – Sebastian Vettel (ALE/Red Bull) – a 1s050 (18)
6 – Nico Hulkenberg (ALE/Williams) – a 1s092 (26)
7 – Felipe Massa (BRA/Ferrari) – a 1s146 (30)
8 – Vitaly Petrov (RUS/Renault) – a 1s341 (26)
9 – Fernando Alonso (ESP/Ferrari) – a 1s731 (25)
10 – Pedro de la Rosa (ESP/Sauber) – a 1s846 (24)
11 – Kamui Kobayashi (JAP/Sauber) – a 1s943 (27)
12 – Adrian Sutil (ALE/Force India) – 1s952 (29)
13 – Rubens Barrichello (BRA/Williams) – a 2s043 (21)
14 – Vitantonio Liuzzi (ITA/Force India) – a 2s424 (29)
15 – Robert Kubica (POL/Renault) – a 2s746 (29)
16 – Jaime Alguersuari (ESP/Toro Rosso) – a 4s390 (31)
17 – Mark Webber (AUS/Red Bull) – a 5s035 (12)
18 – Heikki Kovalainen (FIN/Lotus) – a 5s464 (23)
19 – Jarno Trulli (ITA/Lotus) – a 5s581 (14)
20 – Timo Glock (ALE/Virgin) – a 6s628 (3)
21 – Lucas Di Grassi (BRA/Virgin) – a 6s779 (21)
22 – Bruno Senna (BRA/Hispania) – a 11s559 (17)
13 – Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso) – sem tempo (1)
24 – Karun Chandhok (IND/Hispania) – sem tempo

Fonte: Gazeta Esportiva.Net

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *