F1: Rubens faz boa largada, mas é prejudicado pela linha de fora na chicane

Brasileiro ficou preso atrás de Buemi logo após ser atrapalhado no início da prova

Rubens Barrichello partiu na 10a posição no GP da Itália de F1 disputado neste domingo (12), e logo após a largada já brigava pela oitava posição na reta, mas, na primeira curva da chicane, a fila da linha de fora ficou travada e Rubens acabou tocando na traseira de Sebastian Vettel e, além de perder um pedaço do bico, deixou de ganhar as duas posições de Nico Hulkenberg e Robert Kubica, e também foi superado por Sebastien Buemi caindo para a 11a posição. No entanto, Rubens conseguiu ganhar a posição de Buemi após a parada nos boxes e assim entrou na zona de pontuação ao final das 53 voltas da prova na Itália.

“Eu tive um bom começo e já estava ao lado de Nico (Hulkenberg), mas, entrando na primeira curva, peguei a linha de fora e como estávamos todos juntos por ser muito apertado, encontrei o Vettel, que fez uma má largada, e perdi uma parte do ‘nariz’ do carro. Mas o mais significante foi que perdi a posição para o Buemi e isso praticamente determinou a minha corrida. No entanto, ainda bem que consegui somar mais um ponto no campeonato”, comentou o brasileiro.

Rubens soma 31 pontos no total e junto com os 16 somados por seu companheiro, Hulkenberg, colocam a Williams na sétima colocação no campeonato de construtores. A vitória desse domingo ficou com o espanhol Fernando Alonso, da Ferrari. A próxima corrida da F1 será o GP de Cingapura, no dia 26 de setembro. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *