F1: Sainz celebra segundo pódio consecutivo e vê progresso do carro

Apesar de não ter tido a oportunidade de lutar pela vitória no Grande Prêmio da Arábia Saudita, no domingo, 27, Carlos Sainz saiu do circuito de rua de Jeddah satisfeito com a terceira colocação e seu segundo pódio consecutivo no início desta temporada da Fórmula 1.

Mesmo desta vez ficando atrás do vencedor Max Verstappen, da Red Bull, e de seu companheiro de equipe, Charles Leclerc – após o segundo lugar na prova de abertura no Bahrein -, Sainz se mostrou feliz por estar mais próximo de entender como tirar o máximo do novo carro da Ferrari.

“Eu estava mais feliz do que no Bahrein, definitivamente”, disse ele. “Houve algum progresso feito do meu lado da garagem, com a sensação com o carro. Senti que hoje demos um pequeno passo na direção certa”, afirmou o espanhol.

Terceiro do grid de largada na Arábia Saudita, Sainz tentou conquistar posições logo na primeira curva, mas após ser espremido por Leclerc e Pérez, que lutavam pela liderança da prova, o piloto da Ferrari teve que diminuir o ritmo, sendo ultrapassado por Verstappen e caindo para a quarta posição.

“Eu tive um pouco de azar porque que estava encaixotado, devido à minha boa largada, e tive que tirar o pé. O importante é que foi um bom começo e eles vão ser importantes para nós neste ano, e precisamos mantê-los”, comentou o piloto de 27 anos.

“Enquanto ainda não estou 100% [adaptado] com o carro, espero continuar trazendo pontos e pódios. É importante até que eu volte a estar na minha melhor condição – e então será a hora de me juntar a esses caras [Leclerc e Verstappen] na luta por vitórias”, acrescentou.

Sainz ainda comentou a evolução da Red Bull, que conquistou a vitória com Verstappen e o quarto lugar com Pérez, após ambos não completarem a prova inaugural da F1 no Bahrein.

“Os carros da Red Bull foram rápidos nas últimas dez voltas depois que os pneus esfriaram com o safety car e o virtual [safety car]. Eles estavam voando e estavam nos pressionando”, comentou.

“Para mim, esta corrida foi um pouco de progresso do Bahrein. Acho que consegui encontrar um pouco mais de ritmo com o carro. Ainda faltam alguns décimos, mas acho que vou chegar lá”, concluiu o espanhol.

As emoções da Fórmula 1 retornam com o GP da Austrália entre os dias 8 e 10 de abril. Os treinos livres e classificatório contam com cobertura completa do Bandsports.

Fonte: Band

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *