F1: Schumacher quer voltar às pistas, diz Ferrari

O diretor esportivo da Ferrari, Stefano Domenicali, voltou a dar esperança aos que sonham com um retorno de Michael Schumacher à Fórmula 1 ao declarar, nesta quarta-feira, que o ex-piloto da escuderia italiana tem intenção de correr pela equipe novamente, talvez já no ano que vem. Aposentado das pistas desde o final de 2006, o heptacampeão mundial teve a chance de voltar em 2009, no lugar de Felipe Massa, mas dores no pescoço impediram que o alemão retornasse à categoria como piloto.

“Pela maneira como Michael respondeu ao nosso convite (para substituir Massa), eu acho que ele ainda tem o desejo de voltar a ser um piloto. Se não, já teria pendurado o capacete. Você nunca deve dizer nunca”, disse Domenicali, em entrevista ao jornal italiano Gazzetta dello Sport. “Schumacher e Ferrari são inseparáveis”, completou.

Defensor da adoção de mais um carro por equipe na F1, Domenicali acha difícil que a FIA mude a regra para o ano que vem, mas já avisa: se isso acontecer, Schumacher poderia voltar a pilotar pela escuderia em 2010. Dirigentes italianos já trataram do assunto com a FiA e Bernie Ecclestone, dono dos direitos da F1.

“É difícil (a adoção do terceiro carro), a menos que as novas equipes voltem atrás. Porém, para a Ferrari o terceiro carro é uma ideia positiva e que só faria bem à F1”, defendeu Domenicali.

Fonte: Terra

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *